Rovos Rail: Trem de luxo na África do Sul

Já pensou em conhecer um dos trens mais luxuosos do mundo conhecido como Orgulho da África??? Essa viagem existe e vou contar aqui nesse post como foi minha experiência viajando por 3 dias e duas noites de Pretoria a Cidade do Cabo.

Quer embarcar nessa?

O trem que é considerado um dos mais luxuosos do mundo é da empresa Rovos Rail e em 2019 celebrou 30 anos de existência. São várias rotas disponíveis, algumas podendo durar até 15 dias mas uma das mais tradicionais é realmente a que liga Pretoria a Cidade do Cabo ou vice versa.

São várias datas disponíveis que você pode consultar aqui juntamente com os preços. Não é uma viagem barata devido ao luxo, mas com certeza vale muito a pena a experiência. Eu gostei bastante de cruzar a África do Sul de trem.

Trrem na cidade de Pretoria aguardando a partida

Procedimentos para embarque

O trem que embarquei como dito anteriormente liga Pretoria a Cidade do Cabo. É previsto para sair ás 15hs mas devido a vários fatores sempre acaba atrasando, o que já é considerado normal até pela própria tripulação. Como estamos de férias e prestes a embarcar em uma viagem dos sonhos isso acaba não sendo um problema não é mesmo? Até porque antes de entrarmos nas nossas cabines somos recebidos com Champanhe, doces e snacks em uma sala de espera super luxuosa. Pedem para chegarmos ás 14hs na estação de Pretoria.

Sala de espera para embarque
Várias bebidas são servidas enquanto os passageiros aguardam

A sala de espera é o único local que tem wifi. A partir do momento que se entra no trem já não há mais conexão por isso recomendo que esteja com chip no seu celular para continuar acessando internet.

Durante a espera para embarcar também é possível fazer um tour guiado pela estação gratuitamente. Nos explicam toda a história do local e construção dos trens.

Conhecendo a cabine

Como sempre é um grupo muito seleto com poucas pessoas, a tripulação anuncia nome por nome e um membro da equipe nos acompanha até a nossa cabine. Todas elas são nominais para que ninguém cometa erros de entrar na cabine errada. Eu fiquei em uma Deluxe Luxo chamada Jacaranda:

Cabine Deluxe Luxo

Ao entrarmos já recebemos a notícia de qual será o membro da tripulação responsável pela nossa cabine e então com uma breve explicação de como tudo funciona recebemos vários papeis informativos incluindo o nome de todos os passageiros e em que cabine eles se encontram.

E não podia faltar a Champanhe de Boas Vindas
Durante todo o dia a tripulação troca a roupa de cama
Se quiser mais privacidade as janelas podem ficar fechadas mas dentro mesmo da cabine já podemos observar as paisagens quando abrimos tudo

O banheiro possui água quente e todos os produtos de higiene pessoal também se encontram ali. O secador pode ser usado a qualquer momento e fica na parede.

Conhecendo o trem

Devidamente instalados é hora da partida. Abri todas as janelas para ver a paisagem e fui dar uma volta por outros vagãos. O espaço mais disputado é o vagão de observação:

Observation Deck. Último vagão onde podemos passar horas admirando a paisagem

Outro local muito bom para conversar com outros passageiros é o bar localizado também no último vagão. O chá da tarde é servido todos os dias ali, inclusive você pode além de beber a vontade, comer todos os chocolates que deixam disponíveis.

As refeições são servidas no vagão restaurante:

As paisagens pelo caminho

Muitas pessoas disseram que pode se avistar animais durante o trajeto. Eu particularmente não vi nada além de gados, mas achei as paisagens bem bonitas e vai mudando conforme o dia.

Podemos ver algumas regiões mais secas e outras mais floridas.

Uma das minhas paisagens preferidas foi esse rio:

Na época que fui(novembro 2019) fazia muito calor durante o dia com média de 31º e a noite esfriava caindo para 20º. Choveu um pouco durante a noite mas nada que atrapalhou. As cabines todas apresentam ar condicionado então dentro do trem não se passa calor.

Repare nas múltiplas cores dessa foto

O trem não passa de 60km por hora então não da enjoo e podemos apreciar a vista sem pressa.

Gastronomia

Adivinhe qual é uma dos principais divertimentos do trem????  COMER!!! E aqui o que não vão faltar são boas comidas. Eu realmente gostei de tudo e achei o cardápio bem sofisticado.

O café da manhã é servido todos os dias das 7hs às 10hs no restaurante. Podemos escolher um prato quente como omelete acompanhado de torradas e a vontade na mesa ficam iogurtes,cereais e frutas.

Já o almoço é oferecido ás 13hs mas devido aos atrasos que ocorrem durante o trajeto esse horário pode mudar. O traje não é formal e diferente do café da manhã todos almoçam na mesma hora.

Cardápio do almoço
Prato tradicional sul africano. Bobotie com Sambal. Carne de vaca com legumes e arroz amarelo.

Normalmente são 4 pratos servidos, sendo uma entrada, um prato principal, prato com queijos e sobremesa.

Queijo com frutas
Tarte de leite com canela
Entrada: Ravioli

O jantar é servido 19:30hs mas também devido a atrasos sempre pode haver mudanças. Esse trajeto que fiz por exemplo estava previsto para chegar 18hs na Cidade do Cabo no terceiro dia, porém acabou chegando 21hs e por conta disso foi oferecido um jantar a mais. Como falei os atrasos são bem comuns e a qualquer momento mudam os horários, inclusive das paradas, mas isso não é um problema já que a experiência em si não é afetada.

O jantar é de gala por isso é exigido roupas formais tanto para homens quanto mulheres. Inclusive os homens sugerem terno e gravata.

Como podem ver eu não estava de terno e gravata porque deixei no Brasil mas não façam igual eu rs

Assim como não almoço são servidos sempre 4 pratos: entrada,prato principal,queijos e sobremesa.

Parto de queijo com frutas
Prato principal: Peixe com Cuscuz e arroz
Prato principal: Carne de avestruz. Já provou?
Sobremesa: torta com creme de baunilha

No final ainda servem café com chocolates finos:

Após o jantar voltamos para cabine e sempre deixam tudo arrumado:

Paradas do trem com Excursões

A primeira parada do trem ocorre no segundo dia de passeio, na cidade dos diamantes chamada Kimberley. Oficialmente no itinerário dizia que chegaríamos ás 9:45hs mas chegamos por volta das 16hs. Aqui a atração principal é conhecer a mina de diamantes e o Big Hole que é o maior buraco do mundo construído pelo homem.

Esse tour é incluído no pacote do trem e você não precisa pagar nada. É um tour guiado por dentro da mina:

Já a cidade de Kimberley mesmo não tem muitos outros atrativos a não ser que você queira comprar diamantes. Eu cheguei em um sábado por lá e estava tudo fechado.

A segunda parada do tour é no terceiro dia na cidade de Matjiesfontein. Essa eu não vi nada de interessante a não ser carros antigos pela rua principal.

Era prevista também uma caminhada na cidade mas devido ao atraso do trem acabaram cancelando essa parte.

Chegada a Cidade do Cabo

Ás 21hs desembarcamos do trem e minha opinião sincera é que é uma viagem inesquecível!!! Tanto é que já quero fazer outras viagens de trem por aí. Gostei bastante dessa experiência de luxo na África do Sul e recomendo para os amantes de viagens sofisticadas.

O perfil dos viajantes no geral eram idosos mas também tinham casais novos e grupo de amigos então acho que não é padrão imaginar esse trem só com a 3° idade. Para os que acham que pode ser entediante ficar em um trem, eu particularmente não achei, até porque 3 dias passam muito rápido, mas vai de cada um saber se é uma viagem que se encaixa ao seu perfil de viajante.

Contato

PO Box 2837 Pretoria
Gauteng 0001
Paul Kruger St, Pretoria
Tel: +27 (0) 12 315 8242
Fax: +27 (0) 12 315 8320
[email protected]

https://www.rovos.com/

Para mais informações e dicas acesse meu instagram @drdiegoviajando